segunda-feira, 30 de julho de 2007

Fruto da crise familiar: prostituição infantil

Quando tinha 13 anos, Justin Berry, residente em Bakersfield, na Califórnia, começou brincando com uma webcam conectada à Internet. Acabou sendo seduzido por adultos e se transformou num astro da prostituição infantil. Os pais não prestaram atenção nessa situação por causa de contínuas brigas que travavam entre si. Justin entrou numa ampla comunidade virtual de adolescentes conhecidos por camwhores (prostitutos de câmeras). Ganhou muito dinheiro, mas alguns anos depois tentou o suicídio. Por fim, preferiu denunciar clientes e métodos da Internet à polícia; deseja agora entrar numa faculdade. Infelizmente, poucas crianças que descambam para essa deplorável via acabam tentando se corrigir como Justin.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo comentário! Escreva sempre. Este blog se reserva o direito de moderação dos comentários de acordo com sua idoneidade e teor. Este blog não faz seus necessariamente os comentários e opiniões dos comentaristas. Não serão publicados comentários que contenham linguagem vulgar ou desrespeitosa.